sábado, 11 de fevereiro de 2012

Win 8 vem aí

Aconteceu em setembro de 2011

"Hoje é um dia de lançamento, e o que lançaremos é uma oportunidade para os desenvolvedores", começou Sinofsky. "Durante esse dia, demostraremos o Windows 8 em uma série de aparelhos, de PCs a smartphones. Vamos reimaginar o Windows e tudo o que ele pode fazer, dos chips ao usuário", concluí Steven. Uma curiosidade interessante que foi dita logo no início da conferência é que o sucessor do Vista vendeu cerca de 450 milhões de cópias e finalmente superou o XP - lançado em 2001 - como o sistema operacional mais usado do mundo.

Steven Sinofsky, presidente da divisão "Windows Live"

Reimaginar?

Essa curiosa palavra usada por Sinofsky durante sua apresentação, tem o significado claro quando ele diz que a proposta do Windows 8 é rodar tudo o que roda no Windows 7. Reimaginar o Windows é saber que ele será capaz de aproveitar ao máximo a nova linhagem de processadores ARM e que trará facilidade para a vida de todos os usuários.
Ainda de acordo com o presidente, o "8" não é uma melhoria do "7", já que ele teve praticamente todo seu código reconstruído, fazendo com que o sistema rode com leveza até em computadores com baixa capacidade de memória.

Steven Sinofsky apresenta inovações do Windows 8
Logo após algumas palavras e gráficos demostrando o quanto o desempenho do Windows 8 é superior ao do Windows 7, a apresentação começou a mostrar o produto em diferentes dispositivos, enchendo os olhos de quem estava por lá. Então, se você não teve a oportunidade de ver a BUILD pessoalmente, mostraremos a seguir todos os detalhes e novidades do novo sistema operacional da Microsoft.
Bem-vindo ao futuro!

A sugestão dada a quem viu a conferência é olhar para o futuro e ver um computador Windows com "totens vivos" ao invés de simples ícones, toques e gestos a distância em detrimento de teclados e mouses, e toda a sorte de artifícios que farão com que usar um computador seja algo realmente simples e intuitivo como nunca se viu.
Apesar de já termos visto ao longo dos últimos meses diversas novidades e recursos do novo Windows, a apresentação da empresa serviu para sabermos o quanto esses recursos podem ser funcionais na prática.
Diferente de tudo que se viu até agora

Zoom semântico: usuário pode aumentar um grupo de blocos


Uma das promessas (e que pelo que se viu será realizada) é possibilitar ao usuário uma experiência com o sistema como nunca houve até agora. A proposta é oferecer uma experiência completa, ou seja, a forma com que o usuário olhará para o seu desktop será nova e mais envolvente. Essa mudança de visão se dá principalmente graças a nova interface do sistema, que recebeu o nome de "Metro". Ela foi totalmente inspirada na interface criada pela Microsoft para o Windows Phone 7, no qual todas as funcionalidades são acessadas por meio do toque em pequenas janelas ou blocos.
De acordo com a empresa, existe uma leve diferença entre um bloco e um ícone. Os blocos tem mais expressão, são "vivos" e não mais estáticos como os ícones, já que eles podem ser modificados, adicionando-se informações. Para se ter uma ideia de como um bloco funciona, você poderá ter em sua área de trabalho um bloco para acessar seu e-mail. Ao invés dele servir apenas para abrir o cliente, poderá também personalizá-lo para que ele lhe informe de novos e-mails, por exemplo.
Além disso, os blocos podem ser organizados em grupos, como jogos, trabalhos, redes sociais, etc. Com um gesto multitoque, o usuário pode dar um zoom em um grupo de blocos. Essa manobra é chamada "zoom semântico".

Toque seu computador

"É uma evolução. Tudo o que era bom no Windows 7, ficará ainda melhor no Windows 8", disse Sinofsky. Durante sua apresentação, o presidente usou, em alguns momentos, um antigo notebook. Para ser exato, o mesmo que havia sido utilizado anos antes para apresentar o Windows 7. Aqui a ideia era mostrar como o novo sistema está mais "limpo", ou seja, o Windows 7 ocupava mais memória RAM do que ocupará o Windows 8.
Outro ponto que Sinofsky fez questão de reforçar é que a Microsoft quer trazer seu novo sistema para as convergências atuais, mas sem tirar a natureza do programa.
Sinofsky afirmou que o sistema operacional se encaixará perfeitamente nas novas tendências como telas sensíveis ao toque e aparelhos portáteis, no qual o usuário não quer apenas transportar, mas usar enquanto se locomove. "Uma nova forma de usar um computador surgiu e queremos que o Windows responda a isso", afirmou Sinofsky, que fez questão de repetir diversas vezes que a nova interface é "touch-centric", ou seja, dedicada para ser operada por toques na tela. Isso quer dizer que o Windows 7 já estava preparado para telas sensíveis ao toque, mas no Windows 8 isso será elevado a potência máxima. Aquela história de tirar o dedo do monitor está se tornando, a cada dia, coisa do passado!

Windows 8 será preparado para plataformas touch

"Mas haverá momentos em que você poderá precisar de um mouse ou teclado e o Windows 8 também funcionará dessa forma. É você que escolhe a forma de interagir com o programa", completou Sinofsky.
Windows nas nuvens

Outra tendência que vem surgindo nos últimos tempos é a chamada "cloud computing" (computação em nuvem) e a nuvem tem uma grande importância no Windows 8. O sistema terá capacidade de unificar alguns serviços como um cliente de e-mail, por exemplo, no qual se poderão gerenciar outros clientes ou o cliente de mensagens instantâneas que será capaz de combinar diversos outros clientes em uma única tela.
O serviço Windows Live SkyDrive fornecerá um modo de sincronização de informações entre vários dispositivos. Você poderá atualizar automaticamente de seu smartphone as fotos da sua viagem e compartilhá-la com seus amigos rapidamente, por exemplo. Além disso, você também poderá usar o SkyDrive para acessar dados remotamente em outro computador.
Mais novidades

Na interface Metro, o novo Menu Iniciar será realocado para uma barra (na lateral direita da tela) chamada "Charm". É nessa barra que o usuário poderá fazer buscas, ajustes de configurações, reorganizar aplicativos, entre outras funções.
Outra funcionalidade bem interessante da interface Metro é a possibilidade de interagir com diversos apps ao mesmo tempo. O Metro possibilita que dois apps fiquem juntos na tela, sem sacrificar o design do sistema. É algo bem semelhante ao que se vê quando usamos o Twitter no iPad, por exemplo, no qual você navega em uma página da web e tem a possibilidade de ver a timeline do Twitter ao mesmo tempo . Rápido e prático. Mas para que essa função seja aproveitada em sua plena capacidade, a resolução recomendada deverá ser de, pelo menos, 1366 x 768.
Dificultando para os vírus

Se você tem problemas constantes com vírus e outras pragas virtuais, então saiba que a Microsoft pretende acabar com sua dor de cabeça. Bom, a empresa não vai fazer com que o Windows 8 seja blindado, mas fará com seja muito mais simples se livrar dessas pragas sem a necessidade de remover um programa ou até um app. Essa função foi batizada de "Refresh". Outra solução bem interessante adicionada ao sistema é a função "Reset" que faz com que o usuário desligue seu computador remotamente e o retorne às configurações originais de fábrica, uma espécie de "super-restauração do sistema".
Superdowloads

2 comentários:

allan disse...

Eu sinceramente não espero muita coisa desse SO.

Agora mudando de conversa, quer ajudar eu a fazer um fórum? Vou passar o link e vc vê aí:

http://gametec.forumeiros.com

THOR disse...

Olá allan,
É uma incógnita mesmo esse windowns 8, vamos aguardar para ver.

Grato amigo, mas, no momento não desejo participar do forum, talvez mais adiante.

vlw