domingo, 19 de julho de 2009

Dicas para tornar sua rede wireless mais segura

Confira um passo a passo para, de maneira simples, bloquear o acesso à sua rede e proteger os dados que circulam por ela.
Imagine que qualquer um pudesse facilmente entrar na sua casa, fuçar o que bem entendesse e usar todos os serviços pagos por você. É o que acontece quando algum vizinho “pega carona” na sua rede Wi-Fi.

Entrar em uma rede sem-fio desprotegida é simples: basta estar nas proximidades do ponto de acesso e pedir para o computador encontrar as redes disponíveis nas redondezas. Essa distância que varia de acordo com a antena, mas, na prática, um vizinho pode acessar facilmente sua rede a partir da casa dele ou até do estacionamento do prédio.

Antes de iniciar as explicações, vale ressaltar que os roteadores dos principais fabricantes, por mais que contem com particularidades próprias, seguem uma mesma linha de exigências.

Para tanto, usuários de marcas populares de roteadores, como Linksys, Netgear, Apple e D-Link, poderão encontrar soluções para dúvidas específicas de cada roteador nos sites das empresas.

Como se proteger e evitar o abuso? Confira o passo a passo:

Acesse o endereço indicado nas instruções do fabricante para acessar as configurações do seu equipamento e digite a senha fornecida no manual.

Uma vez na página do roteador, escolha a opção Wireless. A página exibirá dados sobre a configuração padrão da sua rede Wi-Fi, como acessibilidade, alcance e denominação.

Geralmente, ela estará programada para divulgar constantemente o nome da rede (processo chamado broadcast do SSID) para que os usuários que estiverem nas rendondezas a encontrem facilmente.

O primeiro passo para proteger seu acesso de desconhecidos é esconder o nome da rede - nas opções dentro da interface do seu fabricante, busque pelo botão para “desativar” o SSID.

A partir desse momento, esse equipamento não sai falando o próprio nome para qualquer um que estiver procurando um sinal Wi-Fi; para encontrá-lo, a pessoa precisa procurá-lo especificamente pelo seu nome.

Outra dica é, mesmo escondendo sua rede sem fio dos olhares alheios, é mudar a denominação padrão da rede, que, na maioria dos casos carregam nome da fabricante ou termos como "Wireless Network".

Assim, somente você e pessoas autorizadas que saibam realmente o nome da sua rede poderão compartilhar seu acesso.

twitter:
@thorbrazil

Um comentário:

Anônimo disse...

Esperava algo mais apronfundado, este conteudo é muito genérico em relação a amplitude do tema.